Simpósio: Ciências Sociais e a pesquisa com imagem na América Latina

Participamos del nuevo encuentro de ANPOCS en el Simposio: Ciencias Sociales y la investigacion con imagenes en América Latina. Abajo los objetivos del encuentro. Tuvimos la oportunidad de exponer los alcances de los trabajos que desde distintos grupos de investigacion se realizan en Argentina. Se abrieron las posibilidades de alcanzar acuerdos de cooperacion tanto con Chile (Universidad de Humanismo Cristiano) como con Brasil y algunos de sus Laboratorios de investigacion en Antropologia visual en las Universidades de UFPE; USP; UERJ; UFRGS. (Ver http://antropologiavisualaba.blogspot.com/)

Muy pronto incluiremos algunos de los resultados y de los trabajos presentados.

OBJETIVOS DO SIMPOSIO.

Espalhados em diversos centros de pesquisa e universidades latino-americanas, inúmeros são os pesquisadores interessados na inserção de imagens (fixas e em movimento) na pesquisa e no ensino e que inventaram procedimentos pedagógicos e metodológicos, tendo como referência a produção européia e americana. O que marca o processo de delimitação desse campo disciplinar na América Latina é a intenção de se pensar o uso da imagem nas análises dos fenômenos históricos e sociais. Este é, sem dúvida, um grande desafio para os pesquisadores sociais latino-americanos que buscam novas abordagens teórico-metodológicas para a compreensão da realidade social desta região. Integrando pesquisadores estudiosos da diversidade dos fenômenos sociais latino-americanos, por meio de uma abordagem metodológica (audio)visual, o simpósio proposto tem por objetivo:
a) estimular os estudos do patrimônio das imagens das culturas que integram a sociedade latino-americana a partir do desenvolvimento de pesquisas de cunho comparativo;
b) contribuir para o estudo das formas de utilização da imagem como suporte da análise dos processos históricos e sociais latino-americanos, apontando para o melhor emprego dos recursos audiovisuais, bem como estimular uma reflexão sobre seus usos sociais e científicos no âmbito da América Latina;
c) promover a cooperação entre os pesquisadores que utilizam os recursos audiovisuais na área das ciências sociais, no âmbito latino-americano, para a consecução de projetos de interesse comum;
d) estimular o interesse pela imagem como recurso metodológico de estudo da sociedade latino-americana, contribuindo para os avanços desta área no processo de intercâmbio de informações (dados, metodologias e experiências de trabalho) entre estudos e programas que encontram-se ainda em fase de projeto ou em curso de realização.
A diversidade dos pesquisadores que compõem este simpósio favorece o estabelecimento de articulações com seus centros de investigação, estimulando o diálogo e integrando universidades que desenvolvem pesquisas com imagem para ampliar o conhecimento de acervos e estabelecer uma intercomunicação entre eles.
A análise de imagens implica em não considerá-las como simples ilustração. O ato de interpretar e desvendar as relações existentes entre os diferentes elementos significa examinar tudo que faz parte da sua elaboração. Procuramos compreender não somente a imagem em si mesma, mas o contexto em que foi produzida, posto que ela contém muito mais informações do que o primeiro olhar pode revelar e a sua elaboração, como na redação de um texto, traz embutida sua ideologia, consciente ou não. Nesse caso, analisar/ler imagens significa classificar seus significados, compreender o seu sentido.
Consideramos que a combinação de diversas linguagens não é tarefa simples e que é preciso refletir sobre uma metodologia (audio)visual adequada ao estudo dos fenômenos sociais, cujos enfoques multidisplinares podem permitir uma melhor compreensão do conjunto da realidade histórica e social latino-americana.
Em suma, sabendo que os códigos da linguagem imagética não são os mesmos das escritas sociológica e antropológica, antes de enveredar por esse novo caminho é preciso ter claro o que se pretende apreender com as imagens e qual a sua contribuição específica para a compreensão dos processos históricos e sociais da América Latina.

Coordenação: Clarice Ehlers Peixoto (UERJ)
Expositores
• Carmen Guarini (Universidade de Buenos Aires): Imagem e pesquisa na Argentina
• Gastón Carreño (Universidade de Humanismo Cristiano, Chile): Pesquisas & imagens no Chile
• Renato Athias (UFPE): Panorama da Antropologia Visual Brasileira
• Sylvia Caiuby Novaes (USP): Sobre a produção audiovisual do LISA-USP

Responder

Introduce tus datos o haz clic en un icono para iniciar sesión:

Logo de WordPress.com

Estás comentando usando tu cuenta de WordPress.com. Cerrar sesión / Cambiar )

Imagen de Twitter

Estás comentando usando tu cuenta de Twitter. Cerrar sesión / Cambiar )

Foto de Facebook

Estás comentando usando tu cuenta de Facebook. Cerrar sesión / Cambiar )

Google+ photo

Estás comentando usando tu cuenta de Google+. Cerrar sesión / Cambiar )

Conectando a %s